Publicidade

Últimas Notícias

Partido dos Trabalhadores (PT) ignora seu próprio estatuto e não expulsa mensaleiros


Brasília - DF-  O artigo 231 do Estatuto do Partido dos Trabalhadores prevê expulsão de filiados condenados “por crime infamante ou práticas administrativas ilícitas, com sentença transitada em julgado.” Mas os meliantes do mensalão só seriam expulsos por decisão da Executiva Nacional, e o assunto nem mesmo foi discutido na reunião de segunda (18). A regra, que contraria o estatuto, foi adotada pelo presidente do PT, Rui Falcão.
Dono da bola
Corruptos transitado em julgado do mensalão permanecem filiados, diz a assessoria do partido, porque “o PT não concorda com o julgamento”.
Perda de mandato
O Estatuto do PT também prevê comunicação à Justiça Eleitoral dos condenados desfiliados, o que implicaria em perda de mandato.
Regras pra quê?
Entre os réus petistas condenados no processo do mensalão estão dois ex-presidentes do partido, José Dirceu e José Genoíno.
 
Pensando bem…
…para certos petistas, os corruptos do PT são melhores e até mais “éticos” que os corruptos dos outros partidos.

Nenhum comentário

Deixe aqui sua mensagem e sugestões.