Publicidade

Últimas Notícias

O ELDORADO BRASILEIRO DA CORRUPÇÃO É AQUI!


Por Carlos Caldeira
R$30.568,29 (trinta mil, quinhentos e sessenta e oito reais e vinte e nove centavos). A quase vinte anos atrás, esse valor causou indignação e revolta na população rondoniense. Esse era o valor referente a 22 passagens aéreas no primeiro "grande escândalo" de corrupção do estado de Rondônia. Velhas raposas da politica rondoniense, e que foram atores nesse episodio, com exceção de Silvernani Santos e Natanael Silva, este foragido, ainda estão em plena ascensão politica em nosso estado. Natan e Marcos Donadon também remanescentes da época, mesmo estando presos, um em Brasília e outro em Porto Velho, ainda comandam os seus clãs.
Por conta desse escândalo, Rubens Moreira Mendes acaba de ter os votos da última eleição, anulados e ficou inelegível por oito anos. Já Maurão de Carvalho foi reeleito deputado estadual, é candidato a presidente da ALE e "corre um serio risco de virar governador de Rondônia" se acontecer uma grande combinação de fatores. Por Exemplo: Caso Ele seja eleito presidente da casa e o governador não tomar posse e Expedito Junior, segundo colocado, também ficar impedido de assumir, Hermínio Coelho assume interinamente porque é o atual presidente, só que até o dia primeiro de fevereiro, quando assume o novo mandatário, no caso, Maurão de Carvalho, que teria até 90 dias para chamar uma nova eleição do qual ele também é um "forte" candidato. Corruptos assumem o comando do estado!

Passados quase 20 anos desse acontecimento que reflete negativamente até hoje na nossa politica, já não sabemos mais "qual o nosso poder de indignação". Não se fala mais em milhares de reais! Não se fala mais em "bobagens", como desvio de passagens aéreas! Isso é coisa de "ladrão de galinha na politica". 
Do escândalo de passagens aérea aos dias de hoje, já tivemos outros inúmeros escândalos envolvendo nossos "representantes", e sempre com operações policiais espetaculosas e com nomes mais espetaculares ainda. A Operação Dominó, que abateu nada mais, nada menos que 23 dos 24 deputados estaduais de nossa ALE, isso porque a PF se enganou e não enquadrou também o deputado Neri Firigolo, que posteriormente foi noticiado que tinha sim, envolvimento com toda a trama para desviar recursos da Assembleia Legislativa de Rondônia. 
Os 23 envolvidos na Operação Dominó, são:
DEPUTADO                                                                                                          VALOR DESVIADO
1- Carlão de Oliveira  (Condenado e solto)                                                  R$ 1.401,500,00
2- Kaká Mendonça   (Inelegível)                                                                   R$ 1.130,100,00
3- Emílio Paulista                                                                                              R$ 936.000,00
4- Ronilton Capixaba                                                                                       R$ 919.900,00
5- Haroldo dos Santos                                                                                     R$ 898.800,00
6- Ellen Ruth   (sumida)                                                                                  R$ 887.500,00
7- Leudo Buriti (ex candidato a dep. estadual)                                         R$ 811.500,00
8- Daniel Néri                                                                                                   R$ 800.500,00
9- Edison Gazoni  (Eterno Presidente do CDL)                                       R$ 760.000,00
10-Maurão Carvalho  (Reeleito dep. Estadual)                                       R$ 754.500,00
11-Chico Paraíba  (Conselheiro do TCE)                                                  R$ 705.500,00
12-Marcos Donadon    (Preso)                                                                    R$ 694.400,00
13-Everton Leoni  (Dono da TV Candelária)                                          R$ 693.600,00
14-Renato Veloso                                                                                            R$ 667.400,00
15-Amarildo Almeida                                                                                    R$ 604.400,00
16-Edésio Martelli                                                                                          R$ 598.200,00
17-Neodi de Oliveira                                                                                     R$ 344.500,00
18-Deusdete alves                                                                                         R$ 343.400,00
19-Doutor Carlos                                                                                          R$ 299.000,00
20-João da Muleta   (Inelegível)                                                             R$ 240.000,00
21-Nereu Klosinki                                                                                        R$ 182.000,00
22-Beto do Trento (Sumido)                                                                      R$ 172.400,00
23-Paulo Moraes (Inelegível)                                                                   R$ 153.000,00
Em valores da época, foram desviadores oficialmente, mais de 70 milhões de reais. Se os valores fossem corrigidos hoje, somariam aproximadamente 600 milhões de reais. 
Até a última operação LUDUS, mais de  1 bilhão de reais foram desviados nos últimos anos em Rondônia. Bens são bloqueados, e posteriormente, através de ações judiciais, são liberados. Não se tem noticias de que algum dos envolvidos devolveu qualquer quantia surrupiada dos cofres públicos.
E VAI ALGUÉM PRESO?

Preso mesmo, somente os irmãos Marcos e Natan Donadon, condenados "pela bobagem" dos escândalos das passagens e desvio de outra "ninharia" da ALE no valor de mais de 8 milhões de reais. Valter Araujo, réu na Operação Termopilas e envolvido até com homicídio de um ex sócio, desviou mais de 120 milhões de reais do SUS, passou mais de um ano preso preventivamente, sem nenhuma condenação transitado em julgado, acaba de ganhar o direito a prisão domiciliar depois de "comprovar" um tumor no anus. Não deve voltar tão cedo para a cadeia e nem devolver nenhum centavo do que roubou. Carlão de Oliveira, o operador do esquema de mais de 70 milhões da ALE da Operação Dominó, ficou "preso" durante sete meses no quartel da PM, está em liberdade condicional e deve voltar algum dia pra cadeia, também não devolveu nenhum centavo roubado dos cofres da ALE. 
Valdir Raupp que ajudou a quebrar o BERON, Ivo Cassol, fraude em licitação quando ainda era prefeito de Rolim de Moura e agora Confúcio Moura, envolvido até o pescoço com uma quadrilha de corruptos instalados em seu governo, também pode ir parar na cadeia. O caso "mais grave" é de Ivo Cassol que pode ir à qualquer momento , fazer companhia para Natan Donadon no presidio da Papuda, em Brasília.
Recentemente, dois grandes nomes da politica atual, foram parar na cadeia acusados de fazer parte de uma quadrilha que fraudou licitação para poder desviar recursos da obra do Novo Espaço Alternativo. São eles, Lucio Mosquini, ex secretário do DER no governo Confúcio Moura e atual deputado federal eleito com mais de 40 mil votos e o prefeito de Ouro Preto do Oeste, Alex Testoni. Ambos ainda encontra-se presos preventivamente juntamente com mais 12 acusados de integrarem a mesma quadrilha. Todos devem passar as festas de final do ano, atrás das grades. O desvio dessa vez, segundo informações do Ministério Público, é de mais de 20 milhões de reais.

Resumindo: Tudo começou com pouco mais de 30 mil reais, chegamos na Dominó com mais de 70 milhões de reais, passamos na Termopilas com mais de 120 milhões de reais, atravessamos a quadrilha do Roberto Sobrinho com valores finais desviados até hoje não declarados oficialmente, já que muitos milhões de reais das compensações das usinas e dos viadutos fazem parte dessa triste contabilidade, até terminarmos com duas operações, Plateias e Ludus, que juntas podem bater recorde de valores desviados: MAIS DE UM BILHÃO DE REAIS.
Se a PF e MP continuarem a prender corruptos no Estado de Rondônia, logo logo veremos anúncios nos sites e jornais de grande circulação: PRECISA-SE DE CORRUPTOS. Temos muito dinheiro para ser desviados, FALTA APENAS MÃO DE OBRA QUALIFICADA!



Um comentário:

  1. Belíssima retrospectiva! Parabéns aos organismos de segurança e defesa, pois, não fosse a tenacidade deles, a corrupção em RO ficaria 100% impune. Parabéns também aos homens de bem que, a exemplo de vc, denunciam e cobram providências para por fim à bandalheira no Estado!

    ResponderExcluir

Deixe aqui sua mensagem e sugestões.