Publicidade

Últimas Notícias

OPINIÃO – O CAOS NO TRANSPORTE COLETIVO ESTÁ APENAS COMEÇANDO!

Hildon Chaves está caindo no canto da sereia de assessores pra lá de enrolados que não fazem nada que o interesse particular não esteja a frente de tudo.
Sempre fui um crítico feroz desse sistema de transporte que opera em Porto Velho, e não seria agora que eu iria “refrescar” porque o caos está “quase” instalado. Falo “quase” porque o pior ainda estar por vir, podem ter certeza! 

Eu não sou o “Vidente Carlinhos”, que a cada catástrofe ou desgraça que acontece em nosso país e no mundo, ele vem logo dizendo que já tinha previsto isso, mas existem coisas nessas nossas gestões municipais que são muito fáceis de serem previstas, e o transporte urbano e o escolar rural são apenas duas dessas coisas. 

Desde 2015 quando o eleito deputado federal Mauro Nazif, o segundo pior prefeito da história de Porto Velho, (Dr. Hildon lhe tomou o primeiro lugar) resolveu, por problemas pessoais, decretar a caducidade do contrato das antigas empresas Três Marias e Rio Madeira, que formavam o Consórcio Guaporé, que nunca mais esse serviço foi o mesmo. 

Centenas de trabalhadores do antigo sistema ainda estão desempregados até hoje, e até hoje também não receberam seus direitos trabalhistas, e provavelmente nem vão receber, já que a única garantia que eles tinham eram os ônibus que estavam na garagem da empresa Três Marias e que a justiça cedeu para uma empresa do Acre “operar o sistema de transporte escolar rural”, e essa empresa transformou esses patrimônios que estavam em boas condições, em verdadeiras sucatas. 

Tem trabalhador que já vai para o “segundo calote trabalhista” já que o SIM não deve pagar ninguém sem antes travar uma verdadeira batalha judicial com a prefeitura de Porto Velho. O alento para os trabalhadores do SIM é que o empresário Adélio Barofaldi, um dos donos do SIM, tem patrimônio suficiente para a justiça fazer valer os direitos trabalhistas dos agora ex empregados. 

O prefeito Hildon Chaves está pronto para fazer mais uma grande lambança em sua administração. Alias, mais uma! Ele anda se reunindo com um empresário manjado, que não deu certo aqui e nem em Candeias do Jamari, e que certamente vai causar grandes dores de cabeça para os usuários e trabalhadores do transporte urbano e futuramente para o próprio prefeito. 

Hildon Chaves está caindo no canto da sereia de assessores pra lá de enrolados que não fazem nada que o interesse particular não esteja a frente de tudo. 

Lembrem que o prefeito disse que “atendeu tudo que o SIM pediu” e mesmo assim a empresa quebrou. Agora o prefeito está tentando arrumar jurisprudência para baixar o valor do ISS que hoje é de 5%, para beneficiar a próxima empresa que vai entrar. Tudo devidamente orquestrado com quem é o responsável pela futura “solução mágica,” que se der certo, vai trazer um grande prejuízo para Porto Velho. Eles também querem pagar menos ICMS no diesel, e aí meus queridos, é caixão e vela preta. 

E você que paga 5% de ISS e 17% de ICMS no diesel, vai ficar feliz de ver que grandes empresas, que vão ganhar fortunas com os valores pagos pelos nossos usuários de transporte, paguem menos e você continua pagando o mesmo? Pensem nisso! 

AUTOR: CARLOS CALDEIRA 



Nenhum comentário

Deixe aqui sua mensagem e sugestões.